O que procura?

Licenciatura em psicologia, admissões…

Admissões:
Presencial: +351 808203544
Whatsapp
Presencial: +351969704048

Universidade Europeia assinala o Dia Internacional da Mulher com a Conferência “A Mulher e o Trabalho”

11 mar 2022

A Universidade Europeia comemorou o Dia Internacional da Mulher com a Conferencia "Mulher e o Trabalho", um debate sobre a questao do genero no universo laboral e da justiça que contou com diversos oradores de renome nas diferentes sessoes.

A sessão de abertura ficou a cargo da diretora da Faculdade de Ciências Sociais e Tecnologia da Universidade Europeia, a professora Ana Passos, acompanhada pela Provedora de Justiça, Maria Lúcia Amaral, e pelo Vice-Reitor da Universidade Europeia, Carlos Duarte.

O primeiro painel dedicado ao tema “Justiça no Feminino” colocou em debate Joana Marques Vidal e Paula Teixeira da Cruz, com moderação da professora Susana Videira, coordenadora da Licenciatura em Direito e do Mestrado em Direito Judiciário. As oradoras relataram as suas experiências como profissionais ao serviço do Direito, protagonizando uma conversa franca, genuína e verdadeira entre [e sobre] duas Mulheres que marcaram, de forma indelével, a Justiça Portuguesa dos últimos anos.

O segundo painel foi dedicado ao tema “(Des)igualdade de Género em Diálogo multigeracional (perspetiva RH)” que contou com os testemunhos e experiências reconhecidas pelo mercado de antigos alunos da Universidade: Carla Caracol, diretora de Recursos Humanos do Grupo Renascença Multimédia, Irene Vieira Rua, Diretora de Recursos Humanos da Doutor Finanças, Jorge Carvalheira, HR Director do Centro Cultural de Belém, e Ricardo Fortes da Costa, Partner- da The Key Talent Portugal, moderada pela professora Isabel Moço, coordenadora na Universidade Europeia.

Esta sessão destacou a importância da celebração do Dia Internacional da Mulher, não por ser um dia para festejar, mas para assinalar e celebrar “porque existe todo um caminho feito, que tem de ser honrado. Existe um conjunto de pessoas, nomeadamente mulheres, que não baixaram os braços para que hoje pudéssemos ser aquilo que quisermos ser”. Sem nunca esquecer que “o caminho mais difícil é aquele que está para vir”, caminho que vai precisar de todos, e serão poucos para que “os 60 anos que o Instituto Europeu para a Igualdade de Género diz que ainda nos faltam para atingirmos a igualdade de género sejam atingidos pelo menos nestes 60 anos”. Os oradores lembraram ainda que “sempre que as nações se fecham em si e se tornam intolerantes, deixam de prosperar”. 

Para a Provedora de Justiça, Maria Lúcia Amaral “As mulheres fizeram, num curtíssimo espaço de tempo histórico, um caminho imenso”.

Esta cerimónia ficou ainda marcada pelo reforço do compromisso da Universidade Europeia, na pessoa da Reitora Hélia Gonçalves Pereira, no combate a todos os tipos de desigualdades, com o reforço do compromisso assumido na assinatura da Carta Portuguesa para a Diversidade, criada com o objetivo de encorajar os empregadores a implementar e a desenvolver políticas e práticas internas de promoção da diversidade, da qual a Universidade Europeia é signatária desde alguns anos a esta parte.

A conferência foi transmitida em direto e continua disponível no Youtube da Universidade Europeia