O que procura?

Licenciatura em psicologia, admissões…

Admissões:
Presencial: +351 808203544
Whatsapp
Presencial: +351969704048

Universidade Europeia debate sobre benefícios do exercício físico no tratamento do cancro

06 dez 2019

Os beneficios do exercicio fisico no tratamento da doença oncologica sao o tema central da masterclass que o Presidente da Sociedade Portuguesa de Oncologia, Paulo Cortes, vai lecionar na Universidade Europeia, hoje, dia 6 de dezembro, a partir das 16h45 no Campus da Lispolis, em Lisboa.

Desenvolvida no âmbito do Mestrado em Fisiologia do Exercício, a masterclass pretende aprofundar o impacto da prática de exercício físico durante e após o tratamento da pessoa com cancroInvestigações científicas têm realçado o contributo do impacto do exercício nos doentes oncológicos, em especial na redução da toxidade terapêutica, na melhoria da tolerância ao tratamento, na diminuição da fadiga, na redução dos sintomas de depressão, na melhoria da qualidade de vida, na aptidão cardiorrespiratória e na autonomia funcional. 

O cancro é uma das principais causas de mortalidade a nível global e o número de novos casos continua a aumentar. No entanto, 40% dos casos podem ser prevenidos. De acordo com o World Cancer Research Fund, a prática regular de atividade física diminui o risco de cancro, como o do cólon, da mama e do endométrio, podendo ainda associar-se à redução de cancro nos pulmões, fígado e esófago. Os avanços na deteção e tratamento precoce do cancro têm tido um grande impacto no aumento do número de sobreviventes, com as taxas mais elevadas a verificarem-se para o cancro coloretal, próstata, melanoma, endométrio e mama. O tratamento inclui a adoção de estilos de vida saudável, para as quais o exercício e a alimentação dão um contributo benéfico. 

É neste contexto que, cada vez mais, tem havido um reconhecimento da parte de especialistas em oncologia, bem como a Sociedade Portuguesa de Oncologia, para as equipas multidisciplinares de tratamento do cancro incluam Fisiologistas do Exercício, que possam lidar com a complexidade de que se reveste a avaliação e prescrição de exercício nestes contextos de saúde.   

Com entrada gratuita, esta conferência é destinada aos estudantes do Mestrado de Fisiologia do Exercício da Universidade Europeia e à restante comunidade