O que procura?

Licenciatura em psicologia, admissões…

Admissões:
Presencial: +351 808203544
Whatsapp
Presencial: +351969704048

O fim do mundo

06 mar 2020

Joao Atanasio, Professor da Universidade Europeia, comenta o panico gerado pela nova pandemia, Covid-19.

Citando o artigo publicado no Jornal Económico,

Mais do que a possibilidade do COVID 19 levar ao fim do mundo, já que a taxa de mortalidade do mesmo é extremamente baixa (cerca de 3%) e que os países mais desenvolvidos, mais cedo ou mais tarde, descobrirão uma cura para o mesmo e desenvolverão uma vacina capaz de impedir a sua transmissão, este é um sinal de que a Humanidade não está preparada para tudo o que a natureza ou a intervenção humana podem causar.

Muitos são aqueles que acreditam que o fim dos tempos está próximo, só não havendo consenso relativamente à forma como o mesmo ocorrerá. Seja pelo impacto de um asteroide, pelo desenvolvimento de tecnologias com inteligência artificial que podem levar ao aparecimento de uma inteligência superior que extermine a humanidade, por uma erupção vulcânica, por uma crise ecológica global, pela má governação global, pelo colapso do sistema económico global, que gerará guerras civis e incumprimento generalizado de leis e tratados, por uma mudança climática extrema, por uma guerra nuclear, por uma pandemia global, com uma doença altamente contagiosa, letal e incurável, pelo desenvolvimento da engenharia genética que pode fazer surgir uma infeção sem cura ou uma doença que afete o ecossistema ou por qualquer outra causa, poucos acreditam que o Fim do Mundo não venha um dia a bater-nos à porta, restando saber se ele estará próximo ou se será um acontecimento longínquo, numa altura em que quem está a escrever este artigo e quem o lê já terá, há muito, deixado de habitar o Planeta Terra.

Leia o artigo completo aqui.