O que procura?

Licenciatura em psicologia, admissões…

Admissões:+351 210 205 703
Geral:
Campus Quinta do Bom Nome: +351 210 309 900
Campus Santos: +351 213 939 600
Campus Lispólis: +351 210 533 820
Whatsapp
Presencial: +351969704048

Pós-Graduação em Gastronomia Criativa Lisboa

Programa prático e inovador com vista ao domínio do processo criativo, da gestão, da inovação e do marketing da gastronomia contemporânea.

Selecione o regime preferencial

-30% Candidate-se até 7 de junho e beneficie da Bolsa de Apoio ao Estudo.

Pós-Graduação em Gastronomia Criativa

A criação de um prato, como processo de integração de impressões sensoriais, cognição e emoções, desafia os nossos sentidos e transporta-nos para uma viagem de descoberta e de aproximação social. A gastronomia criativa tem alargado as fronteiras da cozinha convencional ao impulsionar a inovação na indústria gastronómica, inspirando futuras gerações de cozinheiros e entusiastas da gastronomia.

A Pós-Graduação em Gastronomia Criativa é um programa prático e inovador, composto por 21 módulos, incluindo 4 master classes, que permitem dotar os profissionais de competências académico-profissionais especializadas, designadamente no domínio do processo criativo, da gestão, da inovação, do marketing e da gestão operacional, no contexto da gastronomia contemporânea.

Este programa é uma excelente oportunidade para quem deseja desenvolver uma carreira, adquirir ou aprofundar conhecimentos nesta área de negócio, caracterizada por profundas alterações e constante inovação.

Em parceria com a AHRESP – Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal.

(This programme is lectured only in Portuguese)

Presencial
Quinta do Bom Nome Início: Outubro 2024
10 meses/ 160 horas
Não conferente de grau

Há 60 anos a formar profissionais na área do Turismo e Hospitalidade.

selo_60_anos-fundo branco.png

Porquê a Pós-Graduação em Gastronomia Criativa?

Benefícios
  • Forte ligação ao mundo empresarial.
  • Programa fortemente orientado para a prática.
  • Corpo docente do curso integra profissionais de renome e premiados no setor, para além de 6 Chefs com Estrelas Michelin nos respetivos currículos.
  • Integração do curso numa Universidade fortemente orientada para a internacionalização, que tem como missão formar profissionais globais capazes de desenvolver a sua atividade em qualquer parte do mundo.
  • Elevada empregabilidade do setor.
  • Amplitude dos módulos que integram o curso, que permitem dotar os formandos das competências essenciais para o profissional da gastronomia num mundo contemporâneo.
Objetivos
  • A Pós-Graduação em Gastronomia Criativa da Universidade Europeia, em parceria com a AHRESP, visa dotar os formandos das competências essenciais para uma carreira de sucesso no setor da restauração, hotelaria e turismo, tanto no plano estratégico, do marketing ou da inovação, como no contexto da gestão operacional.
Destinatários
  • Profissionais da área da Restauração, Hotelaria e Turismo que pretendam adquirir/atualizar competências ao nível da gestão e inovação no setor.
  • Jovens licenciados que pretendam exercer funções na área da Restauração, Hotelaria e Turismo.
  • Profissionais que pretendam reorientar a sua carreira para a Restauração, Hotelaria e Turismo.

Parceiro

Este programa conta com a parceria da AHRESP – Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal.

ahresp-230.jpg

Plano de estudos

Unidades curricularesHoras/Semana
Tendências em Gastronomia
DOCENTE: Chef João Sá
9
História da Gastronomia
DOCENTE: Virgílio Gomes
6
Princípios Gestão de Alimentação e Bebidas
DOCENTE: Bernardo Bastos
9
Projeto
DOCENTE: António Mauritti
6
Projeto
DOCENTE: António Mauritti
6
Masterclass 1 - Cozinha de Autor
DOCENTE: Chef Miguel Laffan
3

Unidades curricularesHoras/SemanaECTS
Food Design
DOCENTE: Ricardo Bonacho
6
Gestão da Operação na Restauração
DOCENTE: Arlindo Madeira
9
Enogastronomia
DOCENTE: Arlindo Madeira
6
iMarketing 360
DOCENTE: José Bartolomé Duarte
6
Nutrição e Dietética
DOCENTE: Marta Fonseca
6
Projeto
DOCENTE: António Mauritti
6

Unidades curricularesHoras/SemanaECTS
Masterclass 2 – O Processo Criativo
DOCENTE: Chef Gil Fernandes
3
Fotogastronomia
DOCENTE: Mário Cerdeira
3
Certificações e Legislação na Restauração
DOCENTE: Ana Jacinto
6
Liderança, Comunicação e Gestão de Pessoas
DOCENTE: Gabriela Silva Marques
9
Cozinhas do Mundo
DOCENTE: Chef João Rodrigues
6
Projeto
DOCENTE: Chef José Serrano
8

Unidades curricularesHoras/SemanaECTS
Masterclass 3 | Cozinha Criativa
DOCENTE: Chef Bertílio Gomes
3
Mixologia
DOCENTE: Wilson Pires
9
Serigrafia Gastronómica
DOCENTE: Vera Gonçalves
6
Pastelaria Criativa
DOCENTE: Chef Francisco Siopa
9
Normas Técnicas e Protocolares
DOCENTE: Carla Cachola
6
Masterclass 4
DOCENTE: Chef Paulo Pires
3

Saídas profissionais

Conheça as saídas profissionais que este curso lhe proporciona.

  • Consultoria técnica em gastronomia.

  • Gestão operacional em restauração e hotelaria.

  • Empresas de consultoria e assessoria de gestão no setor hoteleiro.

  • Desenvolvimento e gestão de projetos e eventos na área da hotelaria e da restauração.

  • Empresas de consultoria e Assessoria de gestão no sector hoteleiro.

  • Empresas prestadoras de serviços a empresas hoteleiras e de restauração.

  • Gestão de projetos nas áreas dos eventos, restauração e hoteleiras.

Testemunho

Comillas
ComillasFrequentar a Pós-graduação em Gastronomia Criativa é como adicionar ao meu empratamento o melhor ingrediente para a experiência dos meus clientes. O contacto durante a formação com vários chefs de renome fez-me perceber o que é essencial para ser um bom chef.

Assante Manhiça

Cook Íbis Hotel- chef privada

Coordenação

Gabriela Silva Marques

Doutorada em Turismo pela Universidade de Aveiro, mestre em Comportamento Organizacional pelo Instituto Superior de Psicologia Aplicada e licenciada em Gestão de Empresas com especialização em Gestão de Recursos Humanos. Atualmente é professora na Faculdade de Ciências Sociais e Tecnologia, na Universidade Europeia e investigadora no GOVCOOP (Research Unit on Governance, Competitiveness and Public Policies), na Universidade de Aveiro. Exerceu funções de direção em Gestão de Recursos Humanos no meio empresarial tendo sido consultora em diversas empresas. No meio académico foi diretora do Departamento de Turismo e coordenou MBAs Executivos, designadamente em “Gestão de Negócios do Turismo” e “Gestão e Liderança no Futebol”. Tem sido docente em diversos MBAs e Pós-Graduações nas temáticas da Gestão de Recursos Humanos e do Comportamento Organizacional. Publica regularmente em revistas científicas e tem apresentado diversas comunicações em conferências nacionais e internacionais. Os seus principais interesses de investigação e de docência abrangem as temáticas da psicologia organizacional, gestão de recursos humanos, liderança e gestão de equipas, atendimento ao cliente e qualidade de vida no trabalho.

Docentes

Ana Jacinto

Ana Jacinto é licenciada em Direito, na vertente jurídico-económicas pela Universidade Autónoma de Lisboa e tem um MBA - Master em Gestão de Empresas, pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Atualmente é secretária-geral na AHRESP – Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, exercendo ainda funções de Árbitra de Parte Empregadora do Conselho Económico e Social.

António Mauritti

Chef por vocação, colabora atualmente com empresas, associações e autarquias, em projetos de valorização e formação no âmbito do receituário português e valorização dos produtos endógenos. Integra a equipa do Chef Chakall como chef executivo dos múltiplos projetos, novos espaços e conceitos, desenvolvimento de receitas para marcas, formação de equipas, criação, desenvolvimento e acompanhamento de eventos, filmagens, showcookings, entre um sem número de atividades criativas e desafiantes à volta da gastronomia.

Arlindo Madeira

Arlindo Madeira (Phd) é docente universitário, consultor na área da restauração e proprietário da The SilverCorksrew. Doutorado em Gestão do Turismo, Mestre em Marketing e licenciado em Gestão Hoteleira. É investigador da Universidade Europeia e CITUR nas áreas do turismo, restauração, gastronomia e enoturismo.

Bernardo Bastos

Bernardo Pereira de Bastos é doutorando em Gestão, com especialização em Sistemas Analíticos de Gestão Hoteleira e mestre em Gestão e Estratégia Empresarial, pela Universidade Europeia. Tem dois cursos da área da Gestão Hoteleira; Especialização Tecnológica em Gestão Hoteleira - Alimentação e Bebidas, pelas Escolas de Turismo de Portugal, Porto, e licenciatura em Gestão Hoteleira pela Universidade Europeia. Durante a fase de estudos, tem trabalhado em várias empresas, com três anos na segunda maior cadeia de hotéis em Portugal, Vila Galé, em duas das suas unidades - Ericeira e Estoril, em posições de gestão. Passou por hotéis de luxo como VilaLara e Hotel Ritz Four Seasons. Trabalhou na maior empresa de produtos químicos da Península Ibérica como Diretor Comercial e Gestor da Cadeia de Abastecimento, que incluiu a função de Planning and Report Manager, na Jodel em Lisboa. Atualmente é o responsável pelo Planeamento e Gestão da Mesosystem, Porto. Contribui com inputs de Revenue Management e consultoria para A Casa das Viagens Touristic Operator.

Carla Cachola

Licenciada em Relações Públicas e Publicidade pelo Instituto Superior de Novas Profissões e pós-graduada em Gestão de Destinos Turísticos, pelo Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo (Universidade Fernando Pessoa). Iniciou a sua atividade profissional numa agência de publicidade, em Lisboa. Foi técnica de Marketing e Relações-Públicas no Grupo André Jordan, na Lusotur, em Vilamoura e no Belas Clube de Campo, em Lisboa. Foi secretária-geral da Associação Nacional das Regiões de Turismo, em Lisboa. Fez parte da equipa do Turismo na Revisão do Plano Regional de Ordenamento do Território para a Área Metropolitana de Lisboa. Foi diretora de marketing da AHRESP – Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, em Lisboa. Tem sido, ao longo da sua carreira coordenadora de inúmeros eventos corporativos, sociais e desportivos a nível regional, nacional e internacional. Coordenadora e docente da pós-graduação em Imagem, Protocolo e Organização de Eventos na Universidade Europeia. É, atualmente, docente na Pós-graduação de Wine Marketing & Events do ISLA Santarém. Autora de Livro Técnico “Gestão de Pessoas em Lazer, Animação & Eventos”, da Editora d’Ideias (2022).

Chef Bertílio Gomes

Chef e proprietário da Taberna Albricoque, conhecido pela reinterpretação dos sabores do sul na sua cozinha tradicional algarvia. Uma cozinha verdadeira, generosa, de enorme qualidade, que respeita a sazonalidade e a proximidade dos produtos. Especializou-se no Culinary Institute of America, na École du Grande Chocolat, e na Solé-Graells. Iniciou a sua atividade profissional no Hotel da Lapa e passou pelos restaurantes Embaixada, Bica do Sapato, Faz Figura, VírGula, Casa da Comida e Chapitô à Mesa. Atualmente é Chef e proprietário da Taberna Albricoque em Lisboa, e tem ainda o projeto de gelados artesanais com a sua mulher, Maria Santos, o Ice Gourmet, com loja aberta nos Jardins da Gulbenkian.

Chef Francisco Siopa

Francisco Siopa é, aos 47 anos, um dos mais (re)conhecidos profissionais do setor da gastronomia, a nível nacional e internacional, sobretudo pelo trabalho que tem vindo a desenvolver nos últimos anos em torno do chocolate, que é uma das suas grandes paixões. Com 25 anos de carreira, Francisco Siopa trabalhou em vários hotéis no estrangeiro e em Portugal, antes de abrir a empresa SIOPA-Chocolatier em 2014. Abraçou, em 2017, o desafio de liderar o universo da pastelaria do Penha Longa Resort, em Sintra, como Executive Pastry Chef deste resort da rede Ritz-Carlton, tendo ainda à sua responsabilidade os conceitos dos 3 restaurantes Estrelas Michelin da unidade hoteleira e uma das maiores equipas de pastelaria, contando com 20 pessoas na sua equipa. É também o grande Responsável pela marca The Chocolate by Penha Longa e Embaixador Nacional da CALLEBAUT. Desde 2022 que assume funções como Curador do Festival Internaciona Chocolate em Óbidos. Francisco Siopa passou anteriormente por cozinhas de grandes casas como a Fortaleza do Guincho ou o St. Pancras Renaissance London Hotel. Francisco Siopa é um dos mais conceituados profissionais do setor e reconhecido, sobretudo, pelo trabalho que tem vindo a desenvolver em torno do chocolate e na formação pessoal e profissional de novos talentos da alta pastelaria, bem como na mudança que pretende provocar na mentalidade da hotelaria nacional.

Chef Gil Fernandes

Gil Fernandes, natural de Ribamar, é o mais jovem 'Chef' português num restaurante com estrela 'Michelin'. Aos 28 anos assume a liderança da cozinha da Fortaleza do Guincho, restaurante distinguido com uma estrela 'Michelin' desde 2001, sucedendo a Miguel Rocha Vieira. Gil Fernandes passou metade da sua vida na cozinha. Começou a formação na Escola de Hotelaria do Estoril aos 14 anos, com vontade de pôr em prática a sua paixão. Passou depois pelos restaurantes 'Vila Joya' (2 estrelas), 'Ocean' (2 estrelas) e o holandês 'De Lebrije' (3 estrelas 'Michelin'). Há anos que Gil Fernandes guarda um caderno com notas para novos pratos. Não queria ser apanhado desprevenido no dia em que chegasse a 'Chef'. Chegou a número um da cozinha da Fortaleza do Guincho 'Relais & Château' um mês depois. Para já, diz que a filosofia do restaurante se vai manter a mesma: “significa que vou mudando o menu conforme a estação. Agora há de vir aí um cozido à portuguesa transformado, umas abóboras com requeijão e doce de abóbora à sobremesa”.

Chef João Sá

A cozinha atravessou a vida de João Sá desde sempre. Aos 12 anos, já criava eventos na escola relacionados com gastronomia, e aos 14 anos, o seu interesse por tudo o que era prático e manual levou-o até à Escola de Hotelaria do Estoril. Foi uma entrada precoce no exigente mundo da cozinha, e o caminho foi intenso e feito a pulso. Em 2003, mergulhou de um salto no espaço de vanguarda da capital, a Bica do Sapato, ao leme de Fausto Airoli. Em 2004, passou dois meses no Viridiana, restaurante com uma estrela Michelin em Madrid, sob a alçada do chef Abraham Garcia. No mundo hoteleiro trabalhou dois anos no Sheraton Porto, sob a supervisão do chef Jerónimo Ferreira, até perceber que o seu amor estava noutras cozinhas. Trabalhou com outros chefs que o marcaram – como Lubomir Stanisic, no 100 Maneiras, ou Nuno Mendes, no Viajante, em Londres, até se estrear a solo como chef no G-Spot, em 2009. Aí, viveu a maior experiência de criatividade da sua carreira, onde ao longo de três anos não repetiram um único prato. Agora, quase uma década mais tarde, regressa ao leme do SÁLA.

Chef José Serrano

Cozinheiro há 24 anos passou pelos melhores hotéis de Lisboa e Cascais tendo realizado várias aberturas e renovações de hotéis, assim como restaurantes, consultor em vários projetos hoteleiros nacionais, e internacionais, também deu formação e consultoria em várias escolas de hotelaria em Portugal, Angola e Cabo Verde formador nas Escolas do Turismo de Portugal. Verdadeiro critico de si mesmo e do seu trabalho, criador de novos conceitos e inovador. Atualmente trabalha como chefe executivo de cozinha e formador na Auchan Retail Portugal. O chefe José adora a sua profissão por esse motivo vive feliz todos os dias. O seu Lema, "Não existe o impossível, apenas temos de criar a maneira de lá chegar"

Chef João Rodrigues

João Magalhães Rodrigues, Chef do restaurante Feitoria (com 1 estrela Michelin), no Hotel Altis Belém, em Lisboa, está ao leme do Matéria, um projeto que iniciou em 2015 e cujo objetivo tem sido “promover os produtores nacionais com boas práticas agrícolas e produção animal em respeito pela natureza e meio ambiente, enquanto elementos fundamentais da cultura portuguesa”. Sentindo a necessidade de responder à questão “o que é que eu, como cliente, quero de uma experiência gastronómica em Portugal?”, que se encontra na génese do projeto Matéria, o Chef João Rodrigues tem percorrido o país de norte a sul, ao encontro dos produtores que, na sua perspectiva, são os guardiões do território, do saber fazer, das tradições, dos costumes, da identidade gastronómica portuguesa.

Chef Miguel Laffan

Miguel Laffan encontrou há 6 anos no Resort de luxo do Alentejo, o L’AND Vineyards, o seu “terroir”. O Chef tem uma abordagem muito pró-ativa dentro da sua cozinha - acredita que só através de uma pesquisa insaciável, da determinação e do rigor é que se atinge uma cozinha de excelência. Para ele é tão importante a frescura de um alimento como a frescura mental de quem o transforma; este equilíbrio é a sua grande referência, sendo a partir desta filosofia que cria equipas de sucesso. No seu curriculum de aprendizagem constam algumas das referências que já provaram ser “escolas” de sucesso, formando muitos dos melhores Chefs atuais, nomeadamente, Fortaleza do Guincho com a cozinha do Antoine Westermann, 3Estrelas Michelin (relais Châteaux), Le-jardin-des-remparts, com a cozinha de Roland Chanliuad , 1Estrela Michelin em Beune/França, Le Clous de la violette, cozinha de Jean-Marc-Banzo, 2Estrelas Michelin Aix-en-Provence – França. Chefiou equipas em hotéis de referência tais como: Hotel Casa Velha do Palheiro no Funchal (Relais&Châteaux), Hotel Quinta da Casa Branca, uma boutique Hotel com assinatura da Small Luxury Hotels, Ilha da Madeira. Miguel Laffan é hoje, chef executivo L’AND Vineyard’s Wine Resort, um hotel da cadeia Small Luxury Hotels em Montemor-O-Novo onde ganhou a sua 1ªEstrela Michelin no restaurante L’And - esta é também a primeira estrela Michelin do Alentejo.

Chef Paulo Pires

Owner dos Restaurantes Paullu´s.

Duarte Lebre de Freitas

Advogado, Associado Sénior na CMS Portugal. Autor do capítulo de restaurantes portugueses para o Guia Condé Nast Traveler Es-Pt 2018 e 2019. Fundador e presidente da Mesa da AG da Confraria da Rabanada. Membro do painel de votantes de diversos Blogs/Sites. Membro do júri do concurso do melhor pastel de nata de Lisboa 2021. Autor do blog https://chefdebancada.blogs.sapo.pt

José Bartolomé Duarte

Empreendedor, que elege como áreas de interesse a gestão, a estratégia e os mercados financeiros, José Bartolomé Duarte é administrador na ADBDCommunicare e sócio fundador da Mercantina. É também Partner Fundador da Bulldog Communication Strategy, Innovation & Mindset. A paixão pela comunicação leva-o a assumir o valor imenso deste lado estratégico para as empresas, mas também a ensinar na Universidade Europeia, onde leciona ´Marketing Político`, ´Comunicação Empresarial`, ´Relações-Públicas e Assessoria Mediática`. José Bartolomé Duarte foi diretor executivo da Pós-Graduação em ´Estratégias de Comunicação e Assessoria Mediática` na Universidade Europeia.

Mário Cerdeira

Nasceu em Lisboa, em 1970. Atualmente é sócio e consultor na Agência GestiCook, cujo trabalho desenvolvido é a produção e a gestão de imagem, assessoria a Chefs de cozinha, e também a promoção de produtos alimentares e eventos gastronómicos. Em 2009, foi distinguido pela Federation of European Photographers na categoria de Advertising Food. Em 1991, concluiu o Curso Profissional de Fotografia no Instituto Português de Fotografia. Na sua já longa carreira, fotografou para revistas, agências de comunicação, editoras, instituições públicas e grandes marcas comerciais. Em 1999, especializou-se em fotografia gastronómica. Criou a 100% FOTO - STUDIO, dedicada à fotografia profissional, destacando-se como um dos maiores especialistas em fotografia gastronómica do País. Criou também a 100% Editores, onde editou inúmeros livros de gastronomia e monografias de alguns dos maiores chefs de cozinha a trabalhar em Portugal. É coautor, editor e fotógrafo de vários livros, tais como “Semear Sabor, Colher Memórias”, “Conversas de Café”, “Do Cacau ao Chocolate”, “Cozinha Verde”, “Detox”, “Sabor aMar”, “Sabores do Ar e do Fogo” e “Portugal, O Melhor Peixe do Mundo”. Muitos dos trabalhos que desenvolveu, nos 30 anos de profissão, estiveram patentes em exposições fotográficas coletivas e individuais.

Marta Fonseca

A busca do conhecimento, da evolução pessoal e profissional foi sempre a sua predisposição na vida. Trabalhar com pessoas e para pessoas trouxe-a para a área da hospitalidade, tendo-se formado em Turismo e Gestão Hoteleira pela Universidade Europeia. Entretanto, durante a sua formação em hotelaria e dada a sua paixão por gastronomia, especializou-se no sector alimentar com o Mestrado em Qualidade e Segurança Alimentar em Restauração pela ESHTE. Atualmente, leciona e também desempenha funções de coordenação na Academia Gourmet da Universidade Europeia. Vê como uma missão bastante gratificante, poder contribuir com os seus conhecimentos, trazendo soluções para problemas existentes nas áreas em que permanece envolvida e, ao mesmo tempo, ter a possibilidade de transmitir esses conhecimentos e experiências aos seus alunos.

Ricardo Bonacho

Ricardo Bonacho é doutorado em Design com especialidade em Food Design pela Escola Superior de Arquitetura da Universidade de Lisboa. É o cofundador da FORK Organization – Food Design for Oportunidades, Pesquisa e Conhecimento, com base numa estratégia holística para inspirar pessoas, empresas, académicos e profissionais para atuar nos complexos dilemas que o atual sistema alimentar apresenta. É cofundador do Food Design Lab – Lisboa, que cria experiências gastronómicas que promovem a identidade gastronómica das comunidades locais. É também Diretor de Inovação e Desenvolvimento da Imppacto, Catering & Eventos. É professor convidado na ELISAVA - Barcelona School of Design and Engineering em Barcelona e na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, nos cursos de doutoramento em Alimentação Património: Identidades e Culturas e no mestrado em Alimentação: Fontes, Cultura e Sociedade. Cocoordena os Mestrados em Inovação em Artes e Ciências Culinárias e em Food Design na Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril. Atualmente é professor e coordenador na Área de Turismo e Hotelaria, da Universidade Europeia.

Vera Gonçalves

Licenciada em Artes Plásticas nas Caldas da Rainha, Vera Gonçalves tem o diploma de Estudos Avançados em Artes Visuais Intermedia na Universidade Politécnica, em Valência, Espanha. Com estas valências, Vera Gonçalves tem procurado valorizar o património e o turismo português, através da sua especialidade, que passa por trabalhar a imagem de base digital sobre variadíssimas superfícies, com tintas adequadas à formação, no âmbito das artes e da gastronomia criativa, incentivando os participantes a experienciarem a criatividade.

Virgílio Gomes

Nasceu a 30 de Junho de 1949, em Bragança. Com formação superior em Gestão Hoteleira pelo Institut International de Glion, Suíça, fez carreira em gestão hoteleira com incidência em alimentos e bebidas. É investigador em História da Alimentação, e professor de Gastronomia e Cultura, e História da Alimentação. Coordenou em vários países estrangeiros ações de promoção da Cozinha Portuguesa. Proferiu várias conferências e palestras sobre Gastronomia. Publica regularmente crónicas em jornais e revistas. Foi membro da Comissão Nacional de Gastronomia, que levou a Gastronomia a Património Cultural, e coordenador do seu Conselho Técnico. Coautor dos livros: A Cozinha do Mar, Menus da Família Real, Saber (a) Vinhais, Tradição à Mesa do Turf e Maria de Lourdes Modesto – homenagem. Autor dos livros Transmontanices – Causas de Comer, Tratado do Petisco, Doces da nossa vida, Dicionário Prático da Cozinha Portuguesa, Petiscos e Miudezas à Portuguesa, Petiscos do Rio e do Mar, Petiscos de Açúcar e de Mel, e À Portuguesa: Receitas em Livros Estrangeiros até 1900. É membro da Academia de Letras de Trás-os-Montes, e da Associação Portuguesa de Escritores. É sócio correspondente da Comissão Cearense de Folclore. É autor do site www.virgiliogomes.com

Wilson Pires

“Não te limites a criar, inspira.” Este é o sonho que tem comandado a vida de Wilson Pires. Formado em Turismo na Universidade do Algarve, foi nos cruzeiros que teve a sua primeira aventura profissional e onde se apaixonou pela expressão gastronómica dos cocktails. A sua sede de continuar a crescer levou-o em 2014 a ganhar a sua primeira competição em Portugal, o "Barman do Ano", e a sua fome de provar o mundo fez com que em 2016 se juntasse à equipa do Tales & Sprits em Amesterdão, o primeiro dos 3 bares onde trabalhou e que fazem parte do tão desejado elenco dos "World's 50 Best Bars". Seguiram-se o Guilhotina, em São Paulo e o Floreira Atlântico, em Buenos Aires que se encontrava na 3º posição da afamada lista. Hoje é produtor e fundador da Verso - uma marca onde a sua Portugalidade é expressa através de cocktails, com e sem álcool, prontos a beber.

Admissões

Os candidatos interessados em ingressar na Universidade Europeia poderão formalizar a sua candidatura ao longo de todo o ano.

O processo de candidatura está sujeito às vagas existentes e à adequação do perfil do candidato ao ciclo de estudos de interesse.

Para dar início ao Processo de Admissão, o candidato deverá seguir estes 3 passos:

1

Pedido de Informação

Agende uma conversa de esclarecimento com um Admissions Advisor

2

Pedido de Informação

Reúna a documentação solicitada no processo de admissão

3

Candidatura

Avance com a formalização da candidatura, presencialmente ou on-line

None